As informações da sua igreja estão seguras?

Para muitas igrejas a Lei Geral de Proteção de Dados não é uma novidade, já que a Lei entrou em vigor em 18 de setembro de 2020 e possui uma série de exigências tanto para empresas como para igrejas, como o documento de consentimento da coleta e tratamento de dados pessoais, entre outros documentos que fazem parte das boas práticas da Lei.

Como sua igreja está cuidando dos dados da membresia?

Sabemos que muitas igrejas tradicionais ainda têm o costume de registrar cadastros de membros, atas de reuniões e até mesmo entradas e saídas financeiras em planilhas ou fichas de papel, métodos que não oferecem nenhuma segurança já que podem ser facilmente acessados e perdidos, expondo informações sigilosas da igreja.

É preciso ter muito cuidado para tratar essas informações, principalmente os dados pessoais sensíveis, que são classificados pela Lei como convicções pessoais, dados de menores de idade, entre outras informações privadas sobre a vida pessoal do membro da igreja.

Leia também: Sua igreja se preocupa com a privacidade de dados?

Caso esses dados sejam vazados ou perdidos de alguma forma, a igreja poderá sofrer com as consequências de não estar de acordo com a Lei Geral de Proteção de Dados, precisando pagar multas caríssimas, ou até mesmo ter que fechar o templo, dependendo da gravidade da situação.

 

A liderança da sua igreja precisa investir em segurança da informação!

Ciente de algumas das consequências causadas pela falta de adequação à Lei, a liderança da sua igreja deve buscar meios de se informar para começar a tratar os dados das pessoas de forma adequada.

A Plataforma Prover quer ajudar sua igreja a proteger todos os dados e informações, garantindo que os dados pessoais e sensíveis da membresia e dos ministérios sejam armazenados em um lugar seguro.

Pensando nisso, criamos o site LGPD para Igrejas. Lá você irá encontrar um material gratuito e completo, com vídeos e e-books explicando tudo que sua igreja precisa saber para se adequar a Lei Geral de Proteção de Dados. 

Lembrando que clientes Prover não precisam se preocupar com segurança e privacidade das informações cadastradas no sistema, já que a Plataforma está totalmente adequada à Lei Geral de Proteção de Dados, além de ter funcionalidades exclusivas para o tratamento de dados, fornecendo autorizações de coleta de dados, entre outros.

 

Clique aqui e conheça mais sobre o assunto.

Fique por dentro de todas as novidades!

Assine nossa newsletter para ficar ligado em todas as novidades e atualizações
do segmento cristão.